O Geração Que Move está on! O nosso programa de treinamento para adolescentes e jovens em parceria com o UNICEF pela mobilidade urbana, teve início em fevereiro e uma agenda agitada que passa por oficinas, atividades práticas, até o lançamento de campanhas que irão trazer mudanças em políticas públicas no transporte no Rio de Janeiro e em São Paulo. Acompanhe por aqui com a gente!












Durante 3 meses, 50 adolescentes e jovens do Rio de Janeiro e 50 jovens de São Paulo participarão de encontros online semanais, facilitados por professoras ativistas e especialistas, sobre: mobilidade urbana, direito à cidade, criação de mobilizações online, escrita de narrativa, táticas criativas e design ativista . As oficinas terão duração entre 1:30-2h. Bônus: além das oficinas online, teremos um rolezinho em uma das casas legislativas do Rio ou São Paulo, guiado por nossos mobilizadores! Demais né?





No último mês do projeto, 16 participantes serão selecionados para compartilhar as experiências e aprendizados em escolas da sua cidade, multiplicando esse impacto e conscientizando mais jovens sobre o papel do ativismo nos dias de hoje.



Depois do ciclo de oficinas, os participantes se organizarão em grupos para colocar no mundo campanhas de mobilização que incidam na pauta da Mobilidade Urbana. Lembra daquela linha de ônibus desativada ou daquele buraco que a prefeitura nunca tapou? Chegou a sua vez de cobrar prefeitos, vereadores e secretários!





Para estimular a participação, os participantes receberão um apoio mensal no valor de 150 reais, que poderá ser usado como ele/a bem entender. Além disso, gastos relacionados ao rolezinho e às oficinas nas escolas, como transporte e alimentação, por exemplo, serão cobertos pelo programa.




Além das oficinas e encontros semanais, a equipe do NOSSAS vai acompanhar bem de perto os avanços dos participantes e ajudá-los com os desafios de cada campanha. Para atingir o objetivo das campanhas, os participantes terão à disposição um orçamento para impulsionar publicações em redes sociais e investir em táticas offline criativas.





A nossa jornada semanal será estimada em no máximo 2h nos 3 primeiros meses, correspondendo a duração das oficinas. Após isso, estimamos que cada participante deve dedicar de 2-3h por semana para desenvolver as campanhas de mobilização. Detalhe: as oficinas acontecerão sempre às terças-feiras, das 19-21h.







































LETÍCIA CASTRO

Mestra em Análise e Gestão de Políticas Internacionais e formada em relações internacionais. Está como mobilizadora do Meu Rio e liderou as campanhas contra o aumento das passagens em 2021.




MARIANA ASSEF

Mestranda em Urbanismo Insurgente e ativista pelo Direito à Cidade, trabalhou com projetos sociais e planejamento territorial participativo em cidades do Brasil e da Espanha. Atualmente é Mobilizadora da Rede NOSSAS Cidades e Pesquisadora do Núcleo Território, Gênero e Interseccionalidades.




JERLAN ALVES

Formado em Engenharia Química, é co-fundador e foi Diretor Executivo da Minha Jampa, um dos braços da Rede Nossas Cidades no Nordeste. Hoje gerencia a estratégia de atuação local do NOSSAS.






MAIRA BARACHO

Formada em jornalismo, trabalhou como repórter nas áreas de saúde pública, Direitos Humanos, gênero, Direitos Sexuais e Direitos Reprodutivos e Política de Drogas. No NOSSAS, já coordenou a Beta - chat bot feminista, e atualmente é gestora de treinamento e da Rede de Mobilizadores.







RAFAELA ALBERGARIA

Pesquisadora de Mobilidade Urbana, Segurança Pública, Sistema de Justiça, Racismo Institucional e Assistente Social. Organizou um livro que fala sobre o perfil racista da mobilidade urbana no Brasil. É conselheira da Casa Fluminense, articuladora do Mulheres Negras Decidem e idealizadora do Observatório dos Trens.




BETHANIA BOAVENTURA

Mestra em Urbanismo e Assistente de Programas da ONU Habitat, tem experiência no desenvolvimento de projetos liderados pelas comunidades, processos participativos e análise de políticas públicas com ênfase no Direito à Cidade e Mobilidade Urbana.




KELLY FERNANDES

Urbanista e especialista em Mobilidade Urbana, desenvolve pesquisas para evidenciar os efeitos das facilidades e dificuldades de mobilidade no desenvolvimento urbano e na distribuição das atividades e dos grupos sociais no território. Atua em organizações e coletivos que lutam pelos direitos de quem caminha, pedala e usa transporte público.




CLARISSE LINKE

Diretora executiva do ITDP Brasil. Foi Diretora Bicycling Empowerment Network Namibia (BEN Namíbia), onde teve um papel fundamental no desenvolvimento da maior rede de distribuição de bicicletas empresarial de base comunitária na região subsaariana de África. Em 2010, foi premiada pela Ashoka Changemakers no Desafio “Mulheres, Ferramentas e Tecnologia” pelo trabalho realizado na Namíbia com mulheres.




ANDREA PORTO

Professora e pesquisadora do Departamento de Geociências da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Coordena o projeto de extensão Pedagogia Urbana que monitora e avalia o desenvolvimento urbano e fortalece a capacidade de atores sociais que participam da governança democrática da cidade de João Pessoa. Entre 2018 e 2020, integrou a rede Mobcidades para estimular a capacidade operativa de organizações na elaboração do Plano de Mobilidade Urbana da Microrregião de João Pessoa.




O NOSSAS é uma organização que impulsiona o ativismo solidário e democrático no Brasil e que atua organizando pessoas para gerar impacto na sociedade. Desde 2019, através do Programa de Mobilizadores, compartilhamos nossas tecnologias e metodologias de mobilização com pessoas do Brasil inteiro, apostando em campanhas de pressão direta pela conquista de políticas públicas inclusivas e no fortalecimento de redes de solidariedade.

 




O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) trabalha em alguns dos lugares mais difíceis do planeta, para alcançar as crianças mais desfavorecidas do mundo. Em 190 países e territórios, o UNICEF trabalha para cada criança, em todos os lugares, para construir um mundo melhor para todos.